CidreiraDESTAQUE AGORANotícias

Encerrada paralisação dos professores em Cidreira

Após reunião com o prefeito Elimar Tomaz Pacheco, os professores de Cidreira encerraram a paralisação. A reunião aconteceu na tarde desta quarta-feira,22, e o prefeito se compremeteu em verificar a situação orçamentária do município fazendo um amplo estudo nas finanças, tanto dos recursos oriundos do Fundeb como os recursos próprios, para chegar a um denominador comum na questão do reajuste reivindicado pela classe.

O prefeito já agendou uma nova reunião para dia 30 de junho, quando poderá apresentar uma proposta, entretanto não houve afirmação ou promessa de reajuste. Inicialmente o prefeito informou que não tinha condições de anunciar algum índice pois depende das informações que serão juntadas nos próximos dias.  A paralisação iniciou na terça-feira, 21, encerrou nesta tarde e mobilizou cerca de 90% da categoria. Os professores almejam o reajuste de 33,24% concedido pelo governo federal ao Piso Nacional dos Professores.

Desde fevereiro, os professores aguardavam uma posição do Executivo. Além de reajuste, os professores buscam melhorias na infraestrutura das escolas e resolução na falta de professores e até de materiais escolares. Uma comissão de professores estará acompanhando os estudos orçamentários que serão feitos a partir de agora. O prefeito salientou que estará dando prioridade às demandas apresentadas.

O vereador Claudio Hoffmann (Republicanos), que é presidente da Comissão de Educação do Legislativo, salientou que a movimentação dos professores foi histórica ” Há muito tempo os professores não são valorizados e nem mesmo o Sindicato dos Municipiários de Cidreira lutou pela classe. Os professores estão de parabéns por toda a união que resultou na abertura das negociações e o prefeito, com certeza, fará o melhor possível. Os professores tiveram coragem de lutar e tenho certeza que serão vencedores”. disse o vereador e sugestionou a criação de um sindicato próprio.

As aulas retornam normalmente nesta quinta-feira,23, nas escolas municipais de Cidreira.

JPN

Siga e curta a JP News nas redes sociais:
Twitter
Visit Us
Follow Me
YouTube
YouTube
RSS
Seguir por Email