LitoralPolíticaTramandaí

Filiados do PT de Tramandaí emitem nota de repúdio contra ações da atual direção local

*Imagem meramente ilustrativa

Uma nota de repúdio contra ações da direção do PT de Tramandaí foi emitida, nesta quinta-feira (18/06), e assinada por 48 membros da sigla.

Segundo a nota, um pequeno grupo do Partido dos Trabalhadores de Tramandaí, com maioria no diretório temporário vem organizando reuniões extraordinárias não presenciais e, com apenas 6 votos, julgam um processo irregular, sem direito a defesa, não passando pela comissão de ética, decidiram pela expulsão de dois membros da sigla. Um deles foi o vice-presidente Guto Machado e o então vereador e hoje secretário de Desenvolvimento e Assistência Social de Tramandaí, Clayton Ramos.

Ainda segundo a nota, o presidente do PT realiza movimentos para constranger publicamente filiados, bem como no mesmo período promover ato de filiação com total afronta aos princípios  ideológicos do partido. O mesmo quando secretário de finanças, no primeiro semestre de 2019, não conseguiu apresentar a prestação de contas de 2018 à Justiça Eleitoral, fato este que hoje ameaça a participação do partido no pleito deste ano de 2020, caso até a convenção (com data máxima prevista para 05/08) não seja encontrada uma solução para a suspensão transitada em julgado.

Confira na íntegra

NOTA_DO_PT-TDAI

Siga e curta a JP News nas redes sociais:
Twitter
Visit Us
Follow Me
YouTube
YouTube
RSS
Seguir por Email