ÁUDIOENTREVISTASNotícias

Negociações visam à liberação da Estação de Tratamento de Esgoto em Osório

O prefeito de Osório, Roger Caputi concedeu entrevista à rádio Jovem Pan Litoral, onde detalhou a reunião com o presidente da Corsan, Roberto Barbuti e a equipe técnica e jurídica da empresa. Município e Corsan buscam o funcionamento da Estação de Tratamento de Esgoto – ETE de Osório, a partir da aquisição de um novo equipamento, responsável pelo polimento do fósforo, permitindo, segundo o prefeito, o tratamento completo com pureza de até 95% da água.

O pedido visa justamente à liberação para que novas medições sejam feitas. “Quem mais utiliza hoje, a lagoa?! Nós mesmos. Então, queremos dar garantia para nossa população para poder desfrutar disso”, comentou o Prefeito.

O jurídico da Corsan informou que nos próximos dias deve ter novidades no processo e que existe a possibilidade da retomada das atividades da ETE. Na reunião foi tratado também, um “plano B” para que se encontre uma alternativa para o funcionamento da estação, caso novas ações surjam. A ideia é despejar a água em campos próximos, e em caso de excesso, na Lagoa dos Índios, que pertence ao município.

Ainda durante a entrevista, o prefeito Roger Caputi comentou a possibilidade de duplicação da ERS-030, do trevo de acesso ao bairro Laranjeiras, até as proximidades da Escola Luis Francisco Panni. A articulação busca contemplar a destinação de recursos por parte do Governo do Estado para o início da obra de duplicação.

A administração municipal já iniciou o processo de municipalização do trecho da rodovia e o processo licitatório para contratação do projeto da obra, estimada em 30 milhões de reais. “O bairro Laranjeiras será muito valorizado”, finalizou o prefeito Roger Caputi. Confira, abaixo, o áudio da entrevista:

 

 

Texto: Lucas Filho

Siga e curta a JP News nas redes sociais:
Twitter
Visit Us
Follow Me
YouTube
YouTube
RSS
Seguir por Email