DESTAQUE AGORAImbéNotícias

No Dia Estadual de Combate ao Câncer de Mama ABAMI completa 18 anos

Abami aniversário

A data de hoje marca o dia em que o câncer de mama se tornou um fato para a ex-vereadora, e ex vice-prefeita de Imbé Nilza Costa Godoy e o início de uma jornada de luta para prevenir a doença e auxiliar aquelas que partilhassem da mesma situação. Fundou-se um movimento de amor fraterno entre mulheres que estavam dispostas, dentre outras coisas, a não permitir que um diagnóstico se tornasse parte de sua identidade.

Foi pela luta de Nilza que surgiu a lei municipal 742/2002 que estabelecia o Dia de Promoção à Saúde Mamária no Imbé! No ano seguinte, na mesma data a ABAMI foi oficialmente fundada. Posteriormente, a lei municipal se tornou estadual, com base em um movimento de luta, promoção à saúde e de apoio entre as mulheres. Assim, com esse presente o Imbé marcou sua identidade para todo o Rio Grande do Sul através da Lei Estadual 12.126/2004, a qual instituiu o dia 18 de julho como Dia Estadual de Combate ao Câncer de mama. O autor foi o então deputado estadual Cezar Busato.

A partir de 2012, a Amigas da Mama do Imbé virou do LITORAL e desde então o trabalho de conscientização passou a alcançar o litoral norte do RS.

Nos últimos 5 anos, a ABAMI se reinventou e se modernizou. Instituiu projetos como “Saúde da Mama é 10” e “Saúde da Mulher por Inteiro”, auxiliou na redução do impacto da pandemia da COVID-19 com o projeto “uma máscara por um quilo de alimento”, passou a integrar outros movimentos sociais dentro do litoral e alcançou mais pessoas da comunidade.

Com toda dificuldade, desde o falecimento da fundadora, a entidade não deixou de realizar nenhum Outubro Rosa em Imbé e nas cidades vizinhas, alcançando a marca de 10 edições consecutivas. Tudo isso fruto de muito trabalho e empenho das voluntárias da Associação.

Outrossim, a constante busca pela reinvenção e pela melhora do serviço oferecido – AINDA QUE VOLUNTÁRIO – é uma das bandeiras atuais da ABAMI.

Parceria é uma das atuais marcas para a Associação. Afinal, nos últimos anos vários eventos de promoção à saúde foram realizados em conjunto com outras instituições e com o poder público municipal (não somente de Imbé, mas também de outros municípios), bem como a ABAMI passou a integrar a Femama Brasil, como única ONG associada fora da região metropolitana do Rio Grande do Sul.

Por tudo isso e mais um pouco, a ABAMI é uma coletividade que luta por melhores condições de saúde para as mulheres.

Crédito das fotos: Cleverton Silva e arquivo ABAMI.

Siga e curta a JP News nas redes sociais:
Twitter
Visit Us
Follow Me
YouTube
YouTube
RSS
Seguir por Email