DESTAQUE AGORANotícias

Projeto do porto de Arroio do Sal é apresentado no Ministério Público

Com o objetivo de dar transparência ao projeto de instalação do Porto Meridional em Arroio do Sal, na manhã da última sexta-feira (17/09), na sede do Ministério Público do Rio Grande do Sul (MPRS), em Porto Alegre, foi realizada uma reunião incentivada pelo senador Luis Carlos Heinze (PP-RS), o qual tem sido um grande apoiador da iniciativa, mobilizando todos os esforços possíveis para a concretização de um porto marítimo no Litoral Norte gaúcho.

A reunião contou com a participação, pelo Ministério Público do Rio Grande do Sul (MPRS), do Procurador-Geral de Justiça, Dr. Marcelo Lemos Dornelles, e do Promotor de Justiça, Dr. Daniel Martini. Já pelo Ministério Público Federal (MPF), os Procuradores da República, Dr. André Casagrande Raupp e o Dr. Claudio Terri do Amaral.

Na oportunidade, o presidente da DTA – Engenharia Portuária & Ambiental, o engenheiro civil João Acácio Gomes de Oliveira Neto, responsável pela elaboração do Projeto, apresentou com detalhamento toda a infraestrutura necessária e informou já estar encaminhando as licenças ambientais. “Participando da ocasião, o prefeito do município de Arroio do Sal, Affonso Flávio Angst (Bolão), destaca a importância do encontro que visou além de apresentar o projeto da DTA aos membros do MPRS, do MPF e ao Município. Ele também buscou sanar dúvidas e buscar juntos o melhor planejamento ambiental e urbanístico para Arroio do Sal bem receber o empreendimento que desenvolverá o município e região”, ressalta a comunicação de Arroio do Sal.

Além dos integrantes do MPRS e MPF, estavam presentes ainda representando a DTA, Clovis Fernando do Nascimento, Adilson Oliveira da Silva e Antônio Roso, acompanhados dos engenheiros civis, Fernando Carrion e Édson Brum. Do município de Arroio do Sal estavam também a procuradora geral do Município, Michelle Braga Luz, o vice-prefeito, José Diogo Martins Pereira, e o secretário de Planejamento, Indústria e Comércio, Ranieri Antônio Pereira Braga.

Fonte: A Folha

Edição: Gabriela Prestes

Siga e curta a JP News nas redes sociais:
Twitter
Visit Us
Follow Me
YouTube
YouTube
RSS
Seguir por Email